Loading...
Sep 24, 2018 Last Updated 3:35 PM, Sep 24, 2018

Número de mortes por intervenção policial cresce no Rio

MESMO SOB intervenção militar, aumentou o número de morte por auto de resistência no Rio MESMO SOB intervenção militar, aumentou o número de morte por auto de resistência no Rio FOTO REPRODUÇÃO
Publicado em Polícia
Ler 411 vezes
Avalie este item
(0 votos)

De acordo com instituto de Segurança Pública, 129 pessoas morreram em julho em confrontos com a polícia

ÍNDICE De acordo com os dados divulgados pelo Instituto de Segurança Pública (ISP) os casos de mortes decorrentes de intervenção policial, anteriormente, chamados de auto de resistência, subiram 105% em relação a julho do ano passado.

Em julho de 2017, 63 pessoas morreram nestes confrontos com policiais. Já em julho deste ano, foram 129 pessoas. Em média, a cada dia, quatro pessoas acabaram mortas durante ações policiais.

Sob intervenção federal na segurança pública desde fevereiro, o estado do Rio registrou ainda, na somatória dos sete primeiros meses do ano, praticamente o mesmo total de mortes em confronto dos quatro primeiros anos da série histórica. Entre 1998 e 2001, reunindo o acumulado de janeiro a julho de cada ano, chega-se ao número de 926 casos, apenas 3,5% mais do que em 2018.

Na Área Integrada de Segurança Pública de Queimados (Aisp 24), que abrange os municípios de Itaguaí e Seropédica, foram registrados 74 autos de resistência.

Nos dados divulgados, os crimes contra a vida registraram um crescimento, enquanto os crimes contra o patrimônio apresentaram uma redução de casos.